Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

( ENFIM, JÁ PASSOU )

03.01.07, a dona do chá
Enfim, já passaram as festividades todas.
Sobrevivi, é verdade.

É tempo de balanço:
1. Chateia-me o histerismo do Natal, já o tenho dito. Receber um presente/prenda não é a coisa mais importante do mundo - quando as pessoas vão aprender isso? Parece uma necessidade social de se ser bem aceito. Sei lá, também não vou perder tempo a racionalizar isso. Contudo, não foi ruim este ano. Teria sido melhor se eu não tivesse trabalhado; mas o que tem de ser, tem de ser.
2. Passagem de Ano - outro histerismo. Perguntaram-me se eu ia engolir as 12 passas e só me apeteceu rir. Não me levem a mal, cada um acredita no que quiser; só não consigo me associar a este optimismo e cegueira de fim de ano. As contas e a crise estão aí, não desapareceram com as badaladas.
Se as pessoas tivessem durante todo o ano o mesmo empenho de "serem felizes" que querem demonstrar ter nos festejos de Natal e de final de ano, talvez muitas coisas poderiam ser diferentes.
Posso até estar a ser moralista ou demagógica, não sei.

Sobrevivi, é verdade.
Mas continuo cáustica.