Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

17.05.05

( MOVER DAS ÁGUAS )


a dona do chá

«Quem me dera que estivesses aqui.».
Quase posso arriscar que pensaste isso. Que o teu coração estava feliz e triste ao mesmo tempo. O vazio, por vezes, levanta paredes muito altas. Cria um muro. Nada pode transpô-lo.
«Quem me dera que estivesses aqui.».
Não estás sozinha, é bem verdade. Todos te amamos. Mas o vazio… bem o vazio abre aquela ferida. Algumas vezes. Quase sempre.
«É difícil olhar para o teu lugar e não te ver lá.»
Quando caminhaste para dentro das águas, lembraste que ela devia estar ali, de olhos rasos pela emoção. E todos ficamos emocionados porque pensamos o mesmo; e a alegria e a tristeza entrou-nos pelo coração dentro.
Buscámos a alegria, porque era isso que ela queria para ti. E é isso que mereces.