Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Não quero saber o final.

05.03.04, a dona do chá
Imaginem uma enorme fila de cinema. Todos estão ansiosos para comprar o bilhete e ver o filme em cartaz. De repente, começam a sair dezenas de pessoas, que acabaram de ver a sessão anterior. Um homem passa, vira-se para a fila, e começa a gritar: "Ouçam lá, quando chegar a parte tal do filme vai acontecer isto e aquilo. E no final, sabem o que acontecem no final??? O protagonista faz..." Desagrado é o mínimo que se pode sentir numa situação destas. Se isto aconteceu comigo? Não. Isto é apenas um retrato, que eu visualizo na minha cabeça, sempre que eu entro num blog onde os filmes são desfiados e contados em detalhes. Não me parece incompreensível que se fale de um filme que se gostou de ver ou da actuação de um actor/actriz. Mas há formas de o fazer. Pessoalmente, há meses atrás eu estava ansiosa para ver Lost in Translation. Não vi o filme. Perdi a vontade. Já sei o filme todo. Até o sussurro do final.

3 comentários

Comentar post