Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

No fundo da gaveta.

09.02.04, a dona do chá

Enterra os dedos na terra,
Arranha a superfície formando fileiras
As unhas, lâminas afiadas pelo tempo
E o corpo, o próprio arado em evolução.

Deixa o suor cair nos galhos fortes
que as veias desenham em teus braços,
- liquefazem um caminho denso.
Sacia cada grão frutificado.

E quando o dia cair e o sol desmaiar
De cansaço, aos teus pés
Levantarás as costas doloridas
pela violência fingida,
e arrebatarás a posse com tuas mãos calejadas da lida.

Nesse momento serás o ser liberto.
O elemento que renasce após a dor.

Florescerás.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.