Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Tão denso quanto sangue.

23.02.04, a dona do chá

Quando se ama alguém como se fosse uma irmã e, por circunstâncias que fogem ao controle, o distanciamento nasce e se instala, a dor torna-se aguda. Hoje olhei para ti A. e pensei: "porquê?". Conversámos, mas era como se estivesse a falar para uma estranha. Terão sido talvez os 15 minutos mais longos da minha vida. Quantas madrugadas passámos acordadas a conversar e a despejar a alma e o coração? Quantas vezes te confiei pensamentos que a mais ninguém ousei partilhar? Quantas vezes sustentei as tuas lágrimas como se fossem minhas também? Eu estou tão triste como se alguém tivesse morrido. Talvez o amor por uma amiga também acabe. Talvez nunca tenha existido. Talvez, se eu fechar os olhos e for dormir, eu esqueça esta tarde. Este desolamento.