Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

( QUANTAS VEZES FOSTE TEMPESTADE? )

21.06.04, a dona do chá
O ruído da tempestade ressoa e destrói. Invade. Entra sem permissão.
Faz tremer as bases da construção.
Venta de um lado ao outro, não resta folha de árvore no chão. A casa deixa de ser, por momentos, o lugar ideal. Vê-se que é frágil. Sente-se que também estremece.
A menina encolhe-se no chão, braços a envolver os joelhos, branco do relâmpago a respingar a escuridão de luz ilusória. Adulta por fora, menina por dentro. O medo domina-a durante a tempestade. Fecha os olhos com muita força, chora baixinho e pede: « Deus faça com que tudo passe depressa, por favor ».

A menina espera que o dia se mostre através da janela.