Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

( contigo e sem ti )

30.11.09, a dona do chá

amanheço contigo e ainda o dia está escuro. ainda a manhã se retrai de frio e não acordou. a vontade de sair da cama é uma certeza que desejo adiar. implica enfrentar a tua partida. e isto é tão difícil como enfrentar este frio. a nossa cama, os nossos lençóis, os nossos olhares se cruzam com um adeus que permanecerá uns dias. um até logo que gostaria de passasse rápido mas que pesa. já sinto saudades tuas e só passou pouco mais de uma hora.

já o dia levantou-se tímido e lento. os carros, os passos, as crianças, as pessoas, tudo circula com a pressa incomodativa de uma segunda-feira pouco popular. temos de trabalhar, temos de estudar, temos de viver. temos de produzir.

contigo e sem ti, nesta tua breve e pequena ausência, a tua presença é esmagadora. nesta tua ausência sinto o quão grande e máximo tu és na minha vida. não me envergonho da minha fragilidade de dizer que sem ti sinto-me menor, incompleta e sem sentido. contigo, o mundo é apenas uma vírgula e todas as coisas seguem o seu rumo natural. mesmo a vida sendo complicada, mesmo havendo tantas dificuldades, tantos percalços, contigo sinto-me mais inteira.

contigo, meu amor. esta é a frase perfeita. a condição essencial.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.