Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chá de Menta

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

(sabor azedo)

o dia atravessado na garganta. incômodo como uma farpa de madeira entranhada na pele. constante e dormente. desde o início até o fim, prevê. há dias assim, longos. indistintos. não se sabe bem porque é assim. o porquê disto acontecer. o porquê é a resposta e não a pergunta. a questão não é importante. a interrogação é normal mas não fundamental. a resposta é o que lateja. veja bem, há dias assim em que tudo parece um banho de jactos de água fria. entenda, a certeza de que tudo isto passa e passará está presente na consciência mas não diminui esta sensação de farpa de madeira entranhada na pele. este frio na nuca. este prolongado sabor azedo.

(DESAFIO | Bicentenário "Sense and Sensibility" #2 )

 

 

Sobre Sense and Sensibility no Jane Austen em Português:

 

 

- Através deste texto Razão e Sentimento na Biblioteca de Dorina Dowill a Raquel nos informa de algo interessante: lançamento de um livro falado Razão e Sentimento, na tradução de Ivo Barroso, destinado a cegos. Estas são iniciativas a valorizar.

-  No post Jane Austen em 1808, a Raquel nos remete para uma crónica da Revista Veja que se enquadraria temporalmente no ano de 1808. Tenho de dizer que achei esta crónica da Veja muito interessante.

- O que a Raquel escreveu em 2008 sobre este tema: Sense and Sensibility - ano 2008

- Destaque para ilustrações de Sense and Sensibility Cartão Sense and Sensibility

- Eu confesso que eu adoro ver e analisar tudo o que está relacionado com as capas dos livros e também com a sua estrutura interna: imagens, ilustrações, tipos de fonte, cores, paginação, tipo e cor das folhas; enfim, tudo o que esteja relacionado com o lado do design gráfico do livro. A Raquel usualmente destaca muito este lado da ilustração e das capas dos livros da Jane Austen. Sigam o link Sense and Sensibility em Chinês e vejam um exemplo disto.

Pág. 1/2