Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chá de Menta

Chá de Menta

I am half agony, half hope | Jane Austen

(Não me perco)

Não me perco do que quero. Não me encontro no que é ausente. A vida se faz destes pequenos pedaços de sonho e de luta. Então, porque hei-de insistir em desanimar se tudo diz que devo persistir. E, se Tu estás do meu lado, do que vou temer? Tenho tido dias de peso, dias sombrios, dias tão obscuros quanto a noite. Não vou esquecer estes dias. São marcas de vida, que um dia estarão gravadas no meu rosto. Para já, existem na minha memória. Não vou esquecer destes dias, eles são o meu ponto de partida. Sim, acredito que estamos sempre a recomeçar. Acredito que ressurgimos com mais constância do que seria previsto. Mas se é assim que nós tornámos mais fortes, por que hei-de lamentar? Por que hei-de reclamar?
No fundo, sei que não me perco do que quero. Apenas me aperfeiçoo.